O mundo precisa.

02/05/2017

Desconhecido

O mundo precisa de uma mensagem de bom dia e boa noite, de um "você chegou bem?" depois da balada ou um "me liga quando chegar em casa" quando o sono vencer a preocupação. Não participei dessa geração do desapego, do minimalismo, eu vou fazer textão pra minha namorada e se reclamar, faço um livro. O mundo precisa de amores que sejam berrados aos quatro cantos e vividos entre quatro paredes.

Vou dizer constantemente o quanto te quero e provavelmente aparecerei bêbado com uma flor na tua casa e quer saber? Eu mando flor pra caralho. Quem ama cuida. Uma vez ou outra vou dizer que sinto a tua falta no momento que você bater a porta de casa e não tenha dúvida que vou cheirar o meu travesseiro pra me certificar que o teu cheiro ainda estará nele.

Não tô falando que eu vou ser grude ou meloso, longe de mim. O que eu tô falando é que pode ter certeza que eu vou ser cliché de vez em quando, vou te levar pra jantar e pro cinema, vou te fazer companhia na casa da tua vó, vou cancelar a balada pra ficar deitado na cama contigo, vou fazer maratona de série mexendo no teu cabelo enquanto você dorme no meu colo em cima do sofá.

Eu vou ser maluco. Doido. Completamente apaixonado por você, vou ficar bobo com o teu sorriso e não vou conseguir conter o meu quando te beijar. Meus olhos provavelmente vão te caçar a todo instante e encontraram os teus fazendo o mesmo, sabe por que? Porque a gente é clichê.

Vou te querer cada dia mais, vou fazer snap, tirar foto, eu vou rir de você e com você, vou te fazer cócegas e morder a tua bochecha, vou ficar com um puta tesão toda vez que a tua roupa for pro chão e não vou conseguir resistir à vontade de te agarrar ali na hora e te tacar na cama. Vou dormir de conchinha e acordar com o teu cabelo na minha cara, vou sair da cama com todo o cuidado e ver se tem algo pra gente comer, vou na padaria se não tiver. Cara eu vou fazer tudo por você. Faço almoço, jantar e um blog. Porque ser clichê é bom pra caralho.